Skip to content

Acabou

Written by

Beda

Acabou.

Eu levei um tempinho pra acreditar.

Mandei dois e-mails para Londres, pra confirmar. Estava tão atribulado com degustações e cursos que até bem pouco não tinha batido a realidade – não tanto quanto quando terminei a última prova, em junho e saí com a sensação de “acabou” mais verdadeira de que me lembro na vida – e eu mal tinha comemorado1.

Depois de três anos e seis meses, acabou com atraso meu Diploma in Wines and Spirits, virtualmente2 o último nível de estudos antes do programa de estudos do Institute of Masters of Wine.

Tenho que dizer que foi uma experiência e tanto: conheci gente do mundo inteiro, numa turma de pessoas de diversas áreas desde a produção ao serviço, passando pela compra e venda; criei uma paixãozinha por Londres; montei uma biblioteca razoável; provei muito vinho e anotei infinitas folhas de todo tipo; li, reli, li de novo, resenhei, fiz esquemas, re-resenhei, rabisquei inúmeros blocos, cadernos e folhas soltas com informações sobre a produção de vinhos no mundo inteiro. E, diariamente, me esqueci de tudo o que havia estudado, relendo com alguma angústia minhas anotações como se fossem de outra pessoa.

O resultado final, tenho certeza de que vou colhendo aos poucos, com o passar dos anos, percebendo o que ficou entranhando – mas já sou capaz de ver com clareza como os estudos afetaram minha forma de degustar e de analisar as informações sobre uma região, um produtor, um vinho.

Pra comemorar aqui no blog também, essa semana começo a publicar uma série especial de posts de autores convidados: Masters of Wine e estudantes do programa, contando como foi e como é, para me ajudar e a quem mais estiver interessado a entender o que acontece por lá e porque tão pouca gente é diplomada a cada ano. Temos dois já engatilhados,  que espero que gostem e estou buscando mais alguns.

Em frente, que há muito que provar, ler e descobrir e o blog, coitado, precisa de uns textinhos novos…

1 Um jantar com amigos regado a champagne, uma vertical de um grande château, um jantar com os chefes e outro jantar em casa resolveram o problema.

2 Na prática, existe um “adendo” ao Diploma, o Honours, que pode ser alcançado desenvolvendo um estudo e defendendo-o diante de uma banca em Londres, coisa que está na minha mira como forma de amortecedor e preparo para o temido MW.

Previous article

O problema dos aromas

Next article

Tornando-se um Master of Wine, por Debra Meiburg MW

Join the discussion

  1. Parabéns Bernardo!

    Realmente é uma longa e dura jornada, mas ao mesmo tempo um privilégio seu poder se aprofundar no tema neste nível.

    Só me resta fica aqui de camarote aguardando seus posts para aprender um pouco mais.

    um abs!
    Alexandre

  2. Parabéns Bernardo, que coragem, agora com AIWS !!!
    Na certa vai concluir o WSET Honour Diploma e prosseguir no Master of Wine.
    Apausos e abraços,
    Ikuyo Kiyuna

  3. Parabens Bernardo… sei o que é…. precisa agora comemorar com o vizinho da rua….!! Abraços…
    Charles

  4. Pessoal, MUITÍSSIMO obrigado pelo suporte e por compartilhar o momento. Espero vê-los em breve para brindarmos juntos.

    Abraço
    Bernardo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.