Restaurantes

February 12th, 2011 Rabiscaí! Veja os rabiscos.

Aqui vão referências para entender mais ou menos como as estrelas são atribuídas aos restaurantes avaliados no blog. Os que quiserem ver as resenhas, cliquem aqui.

A avaliação é dividida em seis categorias: Ambiente, Serviço, Carta, Cardápio, Preço e Geral. As cinco primeiras “descrevem” diferentes áreas individualmente, de acordo com a codificação abaixo. A avaliação “Geral” indica a percepção final sobre a casa, sem cálculos matemáticos, ou seja: recebe estrelas “manualmente” como as outras seções, com base nas impressões que o conjunto transmite.

Essas pontuações são referentes às impressões obtidas na época da postagem da avaliação e podem variar futuramente (quem sabe alguma hora eu consigo fazer um índice que acompanhe possíveis re-avaliações?). Além disto, indicam pura e simplesmente as impressões pessoais do autor, sujeitas, obviamente, ao humor do dia – tanto do avaliador, quanto da equipe do restaurante.

Ambiente:

– Não pode ser avaliado.
– Desagradável.
– Incômodo.
– Receptivo.
– Adequado.
– Agradável.
– Convidativo.
– Confortável.
– Para freqüentar sempre.

Serviço:

– Não pode ser avaliado.
– Fraco.
– Fraco, com algum cuidado.
– Empenhado, mas sem capacitação.
– Capacitado, mas ainda falta traquejo.
– Adequado.
– Bom.
– Atencioso.
– Muito profissional.

Carta:

– Não pode ser avaliada.
– Fraca.
– Fraca, com algum cuidado.
– Pouco refletida ou comercial.
– Simples.
– Opções interessantes.
– Bem estruturada e com muitas opções.
– Completa e integrada com o cardápio.
– Rótulos para todas as necessidades, gostos e bolsos.

Cardápio:
– Não pode ser avaliado.
– Fraco.
– Há uma tentativa.
– Nada original.
– Simples, boa qualidade.
– Opções interessantes.
– Boas opções e pratos originais.
– Muitos pratos originais e boa qualidade.
– Renovação constante, muita qualidade, inovação.

Preço:

– Não pode ser avaliado.
– Não condiz em nada com a oferta.
– Abuso de margem de lucro.
– Caro.
– Caro, mas compreensível pelo contexto.
– Um pouco caro, mas vale provar.
– Não é barato, mas vale o preço.
– Excelente preço/qualidade.
– Oportunidade única de comer bem por preço justo.

Geral:

– Não pode ser avaliado.
– Para não visitar.
– Dá pra ir, mas não pra voltar.
– Vale pesar os motivos para ir.
– Pode ser interessante.
– Vale uma visita.
– Para voltar sempre que der.
– O nome do restaurante é a resposta para a pergunta “e onde você quer comemorar?”
– Para indicar, ir, levar gente e agradecer ao proprietário/chef/sommelier por tudo.

  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.