Archive

Arquivos da Categoria ‘Viagens’

Praktikum in Württemberg – O começo

Não bastasse a pilha de trabalho acumulando todo dia em São Paulo e a última prova do Diploma do WSET por fazer, aceitei fazer parte do projeto Winexperience, desenvolvido pela associação Generation Riesling em conjunto com o Deutsche Weine Institut porque eu falo alemão, estava entediado e adoro Trollinger fiquei absolutamente maravilhado com os vinhos, as vinícolas e as cidades alemãs na minha visita do ano passado. Eu queria mesmo era ir para o Rheingau, ficar num castelo e beber Riesling vendo as

"A biodinâmica é um embuste"

Pesado, não?

Não é só uma frase de alguém – é o nome de um blog, inteiramente dedicado a desmanchar a imagem que a biodionâmica alcançou e a dimensão quase religiosa com que vem se expandindo. O autor, o enólogo Stuart Smith, decidiu embarcar nessa viagem (sem volta, devo dizer) ao assistir um vídeo de outro enólgo, Mike Benzinger, em que este apresentava o uso de chifres no preparo de compostos como uma “prática camponesa ancestral”.

Baseada nas palestras de Rudolph Steiner, hoje a biodinâmica mistura as linhas de cultivo orgânico e sustentável com uma série de práticas que envolvem homeopatia, astrologia em uma espécie de holística que integra até a agricultura “espiritualmente.” Complicadinho, né. Vocês não viram nem o começo. Leia mais...

O íncrivel Pinot Noir alemão que encolheu…

… na minha taça. Acreditem, é verdade. A cada vez que eu olhava a taça, havia menos vinho. Sério.

Em meio ao vai-e-vem das visitas a produtores pela Alemanha, conseguimos incluir no roteiro a (praticamente desconhecida no exterior) região de Ahr, no extremo norte, para que pudéssemos provar os vinhos de Pinot Noir que são produzidos em uma das áreas vinícolas mais setentrionais do mundo. Com a ajuda de Janke Zeltwanger, agendamos uma visita a um dos produtores de maior sucesso na região, que nos receberia para apresentar esse que é um verdadeiro paradoxo da viti-vinicultura… Leia mais...

Sprechen sie wein?

Depois de quatro dias de Alemanha eu já tinha uma caderneta de notas preenchida por inteiro, dentes já doloridos, sono completamente desritmado e ainda três dias de feira pela frente (antes de seguir com viagens e degustações). Nada como provas in loco e gente disposta a fazer de tudo para promover os vinhos do seu país…

Os alemães são surpreendentemente gentis – bom, os produtores alemães são gentis, pelo menos. É claro que nas ruas se encontra de tudo e, aparentemente, a piada do português que aprendeu matemática faz bastante sentido – os coitados perdem o rumo… Leia mais...

Gravner – Começando 2010 com a taça direita

Eu bem que quis culpar a idade pelo réveillon que acabou tão cedo esse ano, mas nem é verdade. Primeiro porque eu não tenho D.N.A. o suficiente pra isso – ainda que os cabelos já estejam fraquejando – e depois que o plano para a noite, muito muito confortável, inevitavelmente terminaria em sonolência: vinho e mais vinho, cozinha a dois, filme no sofá com chuvinha barulhando lá fora.

O cardápio, cuidadosamente pensado pela Bel e maltrapilhamente produzido ao longo do dia por nós dois, ia da saladinha verde com feta, figo e castanhas de cajú a… Leia mais...

Conselhos, vinho e ar fresco

Com uma semana para respirar e montar meu paper sobre Bordeaux En Primeur, finalmente consegui dar um pulinho e visitar a casa de um dos meus primeiros e mais queridos mestres do vinho, Gerson Lopes. Namorada a tiracolo (e ela com a câmera), garrafa de vinho na mão e vontade de ouvir muita coisa, corri pro refúgio dele nas montanhas assim que ele me disse que estaria por lá. Como sempre, o Gerson queria contar tudo de uma vez só e, claro, numa tarde só deu pra… Leia mais...

London Calling

“Londres, sempre gentil comigo, me poupa de chuva e neblina. Sol, ar fresco e até flores pra me receber. Vamos ver se esse bom humor dura durante a semana.”

Foi a anotação de domingo, mas é claro que era bom demais pra ser verdade. A cidade me traiu e meus ossos estão frios e molhados… Leia mais...

Categorias: Viagens Tags: , , ,

De volta

20 dias meio loucos,  de 7 às 24 com vinho em mente. 6 dias de Itália, 7 de França e 6 em Londres para a primeira parte (de seis) do Diploma in Wine and Spirits do WSET.

Atolado de trabalho acumulado e com feiras de vinho chovendo em mim, sou forçado a postergar as peripécias européias…

Para adoçar a boca:

, , , , ,

Viagem

Pessoal,

estou saindo de viagens por um tempo, o que vai reduzir ainda mais o ritmo do blog.
Em compensação, serão 20 dias exclusivamente enológicos, o que irá me encher de material para publicar em seguida.

Abraços para todos,

Bernardo… Leia mais...

Categorias: Viagens Tags:

Abril – Mês do Vinho… pra quem não tem mais nada para fazer.

Existe uma doença congênita no mundo do vinho que dita um impulso irresistível por relizar eventos que se acotovelam no calendário. Abril é um prato cheio para quem gosta de feiras de vinho, mas as datas tornam praticamente impossível para um mortal a idéia de participar de várias delas:

02-07 – Verona, Itália: Vinitaly
10 – São Paulo, Hotel Intercontinental: Taste Australia
12 – Belo Horizonte, Hotel Caesar Business: Taste Australia
15 – Curitiba: Wines of Argentina
16 – Belo Horizonte: Wines of Argentina
22-24 – São Paulo: Wines of Argentina
24 – São Paulo, Hotel Unique: Grande Prova de Vinhos do Douro e… Leia mais...